4 dicas para economizar tempo e produto na sua funilaria

Utilize uma Politriz Rotorbital

Os processos automotivos realizados por oficinas de funilaria e pintura estão se modernizando cada vez mais a fim de economizar tempo e dinheiro. Pequenas mudanças no processo produtivo, nos produtos utilizados ou até mesmo nos equipamentos podem fazer toda a diferença.

Neste artigo iremos explicar como otimizar o processo de polimento. Este é um dos serviços mais comuns de uma funilaria e também um dos mais demorados, podendo  demandar até 8 etapas.

Confira as dicas para aumentar a produtividade e o lucro de seu negócio:

1 – Utilize um produto de 5 etapas

Já existem produtos no mercado que necessitam de menos etapas para o polimento completo. A linha de pastas e ceras da SAIT realiza o serviço em até 3 passos, utilizando menos produto e trazendo um resultado de alta qualidade. Lembrando que cada pintura é um projeto!

Em casos de um set-up rápido, temos ainda o PASL20, um produto 3 em 1, que executa o corte, refino e lustro, alternando apenas as boinas utilizadas.

2 – Prefira produtos em gotas do que os sólidos

Utilizando o produto em gotas você controla melhor a quantidade aplicada. Isso porque os produtos sólidos precisam ser aplicados em pinceladas, desperdiçando muito material.

Observe abaixo a tabela comparativa:

16 gotas de produtos SAIT 5 gramas
3 a 4 pinceladas de produtos concorrentes 50 gramas

O resultado dessas aplicações é o mesmo, mas a economia de produto é muito maior.

3 – Troque sua máquina por uma Politriz Rotorbital

O sistema  rotorbital economiza tempo, pois consegue realizar o serviço com apenas poucas  passada, além de garantir melhor acabamento, sem  risco de hologramas causados pelo processo convencional rotativo.

Trocando a sua máquina, você poderá chegar mais rápido no resultado final, quando comparado ao sistema tradicional rotativo.

Dica: A  X-SPACE, politriz rotorbital da SAIT é uma das mais potentes do mercado, sendo produzida em parceria com a Rupes, uma empresa italiana conceituada no mercado de máquinas.

4 – Utilize lixas feitas com processo eletrostático

Esse processo faz com que os grãos fiquem uniformes na lixa, evitando riscos e diminuindo a necessidade de outros tipos de acabamento.

Processo gravitacional Processo eletrostático
Deposita os grãos na lixa de cima para baixo Deposita os grãos na lixa de baixo para cima
Grãos acumulados na superfície Grãos depositados de maneira uniforme
Provoca riscos Evita riscos

As lixas da SAIT são feitas pelo processo eletrostático, tornando-as 100% eficientes e uniformes.

Gostou? Agora é só colocar em prática e começar a ver a diferença em seus lucros em poucos meses.

Precisando de abrasivos, conte com a SAIT!